Publicado 04 de Fevereiro de 2021 - 11h10

Por AFP

As primeiras doses da vacina russa Sputnik V contra o coronavírus chegaram nesta quinta-feira (4) no Irã, o país do Oriente Médio mais atingido pela pandemia, informou a agência oficial Irna.

"O primeiro carregamento de vacinas de Moscou pousou no aeroporto Imam Khomeiny em Teerã", disse a agência, sem dar detalhes sobre o número de doses.

A covid-19 causou cerca de 57.500 mortes e um total de 1,4 milhão de infectados no Irã, de acordo com dados oficiais.

As autoridades reclamam há várias semanas que não podem comprar vacinas anticovid no exterior por causa das sanções americanas, que, segundo elas, bloqueiam as transações no momento do pagamento.

A vacina Sputnik V começou a ser administrada na Rússia antes de ser submetida a testes em grande escala, causando suspeitas internacionais.

No entanto, esta semana, a revista científica The Lancet, em um estudo validado por especialistas independentes, concluiu que a eficácia da vacina russa é de 91,6% contra as formas sintomáticas da covid-19.

A Sputnik V foi homologada em mais de quinze países, incluindo ex-vizinhos soviéticos como Belarus e aliados políticos como Venezuela e Irã. Também é distribuída na Argentina, Argélia, Tunísia e Paquistão e esta semana México e Nicarágua aprovaram seu uso.

ap/kam/bfi/bl/mb/mr

Escrito por:

AFP