Publicado 18 de Dezembro de 2020 - 19h05

O Brasil está fora da disputa pelo Oscar de melhor filme estrangeiro de 2020. Na segunda-feira, 16, a Academia de Hollywood divulgou uma lista com pré-indicados, e A Vida Invisível, de Karim Aïnouz, com participação especial de Fernanda Montenegro, o concorrente brasileiro, não foi incluído. Mas na categoria documentário o Brasil ainda tem chances com a produção, A Democracia em Vertigem, da diretora Petra Costa, incluida na pré-lista de 15 filmes que podem ser indicados. A lista com os cinco concorrentes será divulgada em janeiro. Como esperado, Parasita, de Bong Joon Ho, e Dor e Glória, de Pedro Almodóvar, estão na lista da categoria filme estrangeiro, ao lado de outras sete produções. (Do Estadão Conteúdo)