Publicado 18 de Dezembro de 2020 - 14h58

Por Carlos Rodrigues

O Guarani de Felipe Conceição espera dificuldades na reta final da Série B

Thomaz Marostegan/Guarani FC

O Guarani de Felipe Conceição espera dificuldades na reta final da Série B

A complicada vitória sobre o Confiança por 1 a 0 mostrou a tônica do que deve ser a reta final da Série B do Brasileiro para o Guarani. Em casa, onde emplacou o oitavo resultado positivo consecutivo, o Bugre abriu o placar no primeiro tempo, mas, diferentemente de jogos anteriores, teve mais trabalho para administrar a vantagem e se segurou. Agora, o Bugre se prepara para nove decisões na luta pelo acesso esperando sempre dificuldades e precisando se desdobrar para atingir o principal objetivo.

Após a partida, o técnico Felipe Conceição lembrou que nem sempre é possível conquistar o resultado sendo amplamente dominante, como havia acontecido em jogos anteriores no Brinco de Ouro. "As equipes adversárias estão vindo de uma maneira mais cautelosa contra a gente, se defendendo e nós estamos sabendo jogar o jogo. Às vezes no futebol se acha que jogar bonito é só com a bola ou jogadas de efeito, mas tem muita coisa envolvida".

O treinador também destacou a necessidade da equipe saber se adaptar a outras características dentro da partida e falou que isso é trabalhado para que o time saiba como se comportar em campo. "Eu trabalho todas as situações, Lógico que quando o time está na plenitude dentro do jogo ele mostra mais um estilo que outros, mas trabalhamos muito a parte defensiva, transição ofensiva e trabalhar com o bloco baixo porque vai ter um momento que o adversário vai te empurrar para trás", explica.

Na oitava posição, com 43 pontos, o Guarani está a apenas três do G4 - menor diferença desde o início do campeonato. Por isso, o sonho é mais do que real. "O torcedor tem o direito de sonhar, não é um sonho vago. Estamos a três pontos. Se vamos chegar, não sei, mas vamos continuar sendo um time brioso e que honra a camisa", definiu Conceição.

Escrito por:

Carlos Rodrigues