Publicado 18 de Dezembro de 2020 - 8h16

Por Da Agência Anhanguera

Acompanhamento permite ações de proteção dos moradores da área

Matheus Pereira/AAN

Acompanhamento permite ações de proteção dos moradores da área

A Defesa Civil de Campinas instalou um aparelho no Rio Atibaia, no distrito de Sousas, para monitorar o volume do rio, com objetivo de minimizar as consequências de uma possível enchente. O linígrafo traça o monitoramento do curso de água e emite um alerta quando o nível sobe além do considerado seguro. O equipamento foi instalado gratuitamente por uma empresa e vai funcionar em caráter experimental.

Este acompanhamento permite que a Defesa Civil faça ações preventivas de proteção da população que mora próximo ao rio. Esta é mais uma medida dentro da Operação Verão 2020/2021, em vigor desde o dia 1º de dezembro e que se estende até o dia 31 de março de 2021.

A Operação agrega um conjunto de medidas para a redução dos riscos de desastres, como vistorias preventivas e monitoramento de áreas de risco de enchentes, que tem como objetivo minimizar as consequências das chuvas fortes e dos temporais típicos da estação mais quente do ano.

As ações são baseadas no acompanhamento de índices pluviométricos, na previsão do tempo e nas vistorias de campo. Em caso de raios, chuva forte, a população pode acionar a Defesa Civil de Campinas pelo telefone 199, disponível 24 horas.

As ações preventivas desencadeadas no Município colocaram Campinas na Campanha Mundial para a Redução de Desastres, chamada "Construindo Cidades Resilientes". A iniciativa é do Escritório das Nações Unidas para a Redução de Riscos de Desastres.

Escrito por:

Da Agência Anhanguera