Publicado 19 de Dezembro de 2020 - 16h57

Por AFP

O Barcelona empatou em 2 a 2 em casa com o Valencia sofrendo assim um novo abalo em suas pretensões de lutar pelo título da Liga espanhola, neste sábado, pela 14ª rodada. Lionel Messi conseguiu ao menos marcar e igualar um recorde histórico de Pelé.

O craque argentino se juntou ao rei do futebol como jogador com mais gols marcados vestindo a camisa de um mesmo clube em jogos oficiais. Ambos têm agora 643 e Messi deverá ultrapassar em breve esse número, estabelecendo um novo recorde.

O gol do astro veio nos acréscimos do primeiro tempo.

Depois de ter sua cobrança de pênalti rebatida pelo goleiro Jaume Domenech (45+4), logo em seguida Messi aproveitou um cruzamento para marcar de cabeça e igualar o recorde de Pelé.

Foi assim que empatou o jogo, após o francês Mouctar Diakhaby abrir o placar para o Valencia aos 29.

O Barça virou o jogo no início do segundo tempo (52) com um voleio do uruguaio Ronald Araújo, mas seu compatriota Maxi Gómez deixou tudo igual ao penetrar na área superando o zagueiro Óscar Mingueza e mandando para o fundo da rede.

Depois de emendar duas vitórias nos últimos jogos do campeonato, contra Levante e Real Sociedad, o Barça teve sua reação esfriada.

"Houve momentos em que mostramos um bom futebol, tivemos controle total da partida, especialmente depois de fazer 2 a 1, quando tentamos chegar ao terceiro, mas também houve momentos em que perdemos a bola nas zonas de perigo", disse o treinador do Barça, Ronald Koeman.

"Sabemos que somos uma equipe que sempre gosta de atacar e marcar gols, mas também há momentos em que é preciso defender e controlar o jogo. Mas a corrida pelo título ainda não está perdida, estamos muito atrás, mas é uma temporada muito complicada para todos. Em dois meses, a situação pode ser totalmente diferente", acrescentou.

Com 21 pontos, o Barcelona segue na quinta colocação, mas a oito pontos do líder Atlético de Madrid, que venceu o Elche (15º) por 3 a 1 no primeiro jogo deste sábado e se consolidou na liderança.

O atacante Luis Suárez ressurgiu marcando dois gols após um período de seca.

O uruguaio assumiu a artilharia ao lado de Mikel Oyarzabal (Real Sociedad) e Iago Aspas (Celta), com sete gols marcados na competição.

O primeiro veio ao desviar um cruzamento rasteiro do inglês Kieran Trippier (41) e o segundo em um passe do belga Yannick Carrasco (59).

O argentino Lucas Boyé diminuiu ao desviar de cabecear um escanteio (64), e o hispano-brasileiro Diego Costa, em sua volta, confirmou a vitória do Atlético em uma cobrança de pênalti (78).

Escrito por:

AFP