Publicado 18 de Dezembro de 2020 - 19h27

Por AFP

O mexicano Sergio Pérez substituirá o tailandês Alexander Albon na Red Bull em 2021 e será companheiro de equipe do holandês Max Verstappen, anunciou nesta sexta-feira a escuderia de Fórmula 1.

Pérez, de 30 anos, está na principal categoria do automobilismo há dez temporadas, participando de 191 grandes prêmios. Mas sua equipe Racing Point decidiu não contar com ele no próximo ano, apostando agora no tetracampeão Sebastian Vettel.

"A oportunidade de estar em uma equipe aspirante ao campeonato é algo que eu esperava desde que vim para a Fórmula 1. Será um momento de orgulho estar no grid com as cores da Red Bull ao lado de Max", disse Pérez.

O chefe da Red Bull, Christian Horner, considerou o mexicano o parceiro ideal para Verstappen para a próxima temporada.

"Depois de levar algum tempo para avaliar todos os dados e resultados relevantes, decidimos que Sergio é o piloto certo para ser o parceiro de Max em 2021", afirmou.

Horner agradeceu a Albon. "Alex continuará a ser uma parte importante de nossa equipe como reserva e piloto de testes, com o desenvolvimento em mente para 2022. Queremos agradecê-lo por seu trabalho árduo e contribuição", destacou.

Com dez pódios desde sua estreia na F1, Pérez (que passou pela Sauber em 2011-2012, McLaren em 2013 e Force India / Racing Point desde 2014) finalmente conseguiu a primeira vitória no final deste 2020, quando venceu em o GP de Sakhir no Bahrein. E acaba de encerrar sua melhor temporada com o quarto lugar no Campeonato Mundial de Pilotos, com 125 pontos.

pel/ole/iga-dr/gh/lca

Escrito por:

AFP