Publicado 17 de Dezembro de 2020 - 11h37

Por Estadão Conteúdo

O presidente Jair Bolsonaro assinou uma medida provisória para abrir um crédito extraordinário de R$ 20 bilhões ao Ministério da Saúde. O recurso deve ser destinado para comprar vacinas contra a covid-19 e imunizar a população brasileira a partir do próximo ano. O conteúdo da MP, assinada em cerimônia de posse do ministro do Turismo, Gilson Machado, ainda não foi divulgado pelo Palácio do Planalto. Nesta quarta-feira, 16, o governo lançou o plano nacional de imunização. O ministro Eduardo Pazuello (Saúde) informou que o governo deverá começar a vacinação no Brasil em "meados de fevereiro", apesar de o País ainda não ter produtos registrados.

Escrito por:

Estadão Conteúdo