Publicado 17 de Dezembro de 2020 - 6h07

Por AFP

Os habitantes de Fiji receberam pedidos de prudência nesta quinta-feira com a aproximação do ciclone tropical Yasa, que provavelmente afetará todas as ilhas do arquipélago do Pacífico Sul e provocará inundações e ondas gigantes.

O ciclone de categoria 5, a mais elevada, ganha força a caminho do arquipélago de Fiji, com rajadas de vento de até 325 km/hora.

Yasa tocará a terra na quinta-feira à noite, mas muitas partes das ilhas de quase 900.000 habitantes já estão inundadas, com estradas bloqueadas e comunidades isoladas.

O primeiro-ministro de Fiji, Frank Bainimarama, advertiu que o ciclone deve provocar efeitos em todo o arquipélago.

O governo teme um balanço mais grave que o da passagem do ciclone Winston em 2016, quando 44 pessoas morreram no arquipélago.

"Mais de 850.000 fijianos se encontram na trajetória do ciclone, ou seja, mais de 95% da população", disse.

str-ns/hr/dw/lb/avz/erl/lda/fp

Escrito por:

AFP