Publicado 16 de Dezembro de 2020 - 16h17

Por Estadão Conteúdo

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quarta-feira, 16, que o governo entende os recados da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) para o Brasil na questão ambiental. "Entendemos a importância da dimensão ambiental para tornar crescimento sustentável. Temos matriz energética mais limpa do mundo e agricultura produtiva, que não precisa derrubar uma árvore. Precisamos erradicar a mineração ilegal, o desmatamento e temos o compromisso com o Acordo de Paris. Sabemos que o futuro é verde e tecnológico", afirmou, no evento de lançamento do Relatório Econômico de 2020 da OCDE sobre o Brasil.

No documento, a OCDE enfatiza a necessidade de se fortalecerem os esforços de combate ao desmatamento ilegal e pede a garantia de pessoal e orçamento adequado para as agências ambientais. O relatório recomenda "evitar o enfraquecimento do atual marco legal de proteção, incluindo áreas protegidas, o código florestal e enfocar o uso sustentável do potencial econômico da Amazônia".

Guedes disse que o País está pronto para adesão plena à OCDE, citando que o País já cumpre 94 dos 245 requisitos da organização enquanto busca a convergência com os demais padrões a entidade. "Nossa entrada na OCDE vai reforçar agenda social, ambiental e de governança corporativa. Estou certo de que nosso acesso á OCDE será muito bom para o Brasil e também para a organização, já que estamos ente as dez maiores economias do mundo", completou.

Escrito por:

Estadão Conteúdo