Publicado 16 de Dezembro de 2020 - 16h08

Por AFP

O técnico do Manchester United, o norueguês Ole Gunnar Solskjaer, afirmou nesta quarta-feira que não irá fazer pressão para ter o uruguaio Edinson Cavani na partida contra o lanterna Sheffield United, quinta-feira, pelo Campeonato Inglês.

O atacante uruguaio, de 33 anos, voltou aos treinos depois desfalcar a equipe nos dois últimos jogos devido a uma lesão muscular que sofreu contra o West Ham em 5 de dezembro.

"Edinson fez uma boa reabilitação, mas teremos de decidir se devemos correr riscos com ele, porque seria um risco", fazê-lo jogar, disse o norueguês durante a coletiva de imprensa na véspera do jogo.

"Duvido que ele esteja disponível para o jogo de quinta-feira. É preciso ter cuidado com essas coisas", explicou.

Rumores sobre a eventual demissão de Solskjaer são constantes depois que o United foi eliminado da Liga dos Campeões na semana passada. Mas uma vitória sobre o Sheffield United permitiria ao ManU (9º) ultrapassar o Chelsea (5º) e o Manchester City (6º), que perderam pontos em suas partidas na terça-feira.

pi/nr/psr/dr/lca

MANCHESTER UNITED

Escrito por:

AFP