Publicado 07 de Outubro de 2020 - 7h53

Por AFP

O alto comissário da ONU para Refugiados, Filippo Grandi, anunciou, nesta quarta-feira (7), que seu teste foi positivo para covid-19 e que ele apresenta sintomas leves.

"Tive uma troca com o Comitê Executivo do ACNUR e sou forçado ao isolamento, após ter testado positivo para #covid19", anunciou em sua conta no Twitter o chefe de uma das agências mais importantes da ONU, que ajuda milhões de refugiados no mundo.

"Tenho sintomas leves e espero me recuperar rapidamente", disse ele, lembrando a importância de se lavar as mãos, manter a distância e usar máscara.

Os desejos de uma recuperação rápida não demoraram a chegar em resposta ao tuíte, por parte da missão francesa na ONU em Genebra (@FranceONUGeneve) e deo secretário de Estado sueco para Cooperação Internacional e assuntos humanitários (@thinkper), Per Olsson Fridh.

vog/pz/lp/zm/tt

Escrito por:

AFP