Publicado 05 de Outubro de 2020 - 18h14

Por AFP

A maior empresa de petróleo dos Estados Unidos, a ExxonMobil, anunciou nesta segunda-feira que cortará cerca de 1.600 empregos até o final de 2021 na Europa, em meio a uma ampla redução de custos acelerada pela pandemia.

"O impacto da covid-19 na demanda pelos produtos da ExxonMobil tornou o trabalho contínuo para melhorar a eficiência ainda mais urgente", informou em comunicado a ExxonMobil, que tinha cerca de 74.900 funcionários em todo o mundo no final de dezembro de 2019.

Na Europa, de acordo com seu site e página do LinkedIn, empregava cerca de 14.000 pessoas.

O corte atinge, portanto, mais de 11% de sua força de trabalho na Europa.

jum/lo/mr/lda/cc

EXXONMOBIL

Escrito por:

AFP