Publicado 14 de Setembro de 2020 - 15h31

Por AFP

Os Estados Unidos anunciaram nesta segunda-feira que bloqueariam uma série de produtos chineses produzidos por "trabalho forçado" na região de Xinjiang, incluindo aqueles fabricados em um centro que chamou de "campo de concentração" da minoria uigur.

"O governo chinês abusa sistematicamente do povo uigur" e de outras minorias, disse Mark Morgan, comissário interino da Agência Alfandegária e de Proteção de Fronteiras, acrescentando que "o trabalho forçado é um abuso hediondo dos direitos humanos".

pmh/ec/yow/rsr/cc

Escrito por:

AFP