Publicado 24 de Setembro de 2020 - 7h33

Por AFP

O Tribunal de Justiça da União Europeia (UE) rejeitou nesta quinta-feira o pedido de liberdade do principal suspeito do desaparecimento em 2007 da menina britânica Madeleine McCann, que está detido na Alemanha pelo estupro de uma mulher em 2005.

Na decisão, consultada pela AFP, o tribunal considera que o processo em curso por estes fatos é legal já que a Itália, que entregou o suspeito, o alemão Christian B., a seu país de origem com base em uma ordem de prisão europeia, autorizou que o acusado fosse investigado por este caso de estupro.

oaa/ylf/bl/zm/fp

Escrito por:

AFP