Publicado 27 de Agosto de 2020 - 11h19

Por Gustavo Magnusson/AAN

Camilo levou um choque com o goleiro na vitória contra o Afogados

Ponte Press/Luiz Guilherme Martins

Camilo levou um choque com o goleiro na vitória contra o Afogados

Apesar de ter garantido classificação para a quarta fase da Copa do Brasil e embolsado um prêmio de R$ 2 milhões por conta da vaga, a Ponte Preta ainda assim deixou a cidade de Afogados da Ingazeira, no interior de Pernambuco, com motivos para lamentar. Como optou por não poupar nenhum jogador importante na vitória por 2 a 0 sobre o Afogados, na última terça-feira, o técnico João Brigatti terá que arcar com uma baixa considerável para a sequência da Série B do Brasileiro: o meia Camilo, que deixou a partida ainda no primeiro tempo com dores na coxa esquerda, após choque com o goleiro Wallef. Em nota oficial, a Ponte confirmou que o atleta retornou a Campinas ontem para realização de exames e está fora pelo menos das duas próximas partidas da Macaca.

“Em um campeonato como a Copa do Brasil, a gente ainda corria o risco de ser eliminado e não se brinca com coisa séria. Respeitamos o Afogados colocando o time que consideramos titular, até por entendermos que a competição é fundamental pelo lado financeiro para a instituição e também pela questão da visibilidade. Sabíamos também que corríamos riscos não só com o Camilo, mas também com todos os outros atletas, pois enfrentamos uma série de dificuldades como logística, gramado pesado e um calor absurdo. Mas foi um risco que a gente optou correr, pois jamais poderíamos patinar contra o Afogados. Agora é tentar recuperar o Camilo para ele voltar a nos ajudar o mais rápido possível”, explicou Brigatti.

Desta forma, Camilo se junta aos atacantes Bruno Rodrigues e Osman, ao meia Luan Dias e ao zagueiro Rayan, que também estão no departamento médico e nem sequer integram a delegação pontepretana que segue longe de Campinas devido a mais dois compromissos em sequência fora de casa. Neste sábado, a Macaca busca a sua quarta vitória consecutiva contra o Sampaio Corrêa, às 21h, no estádio Castelão, em São Luís, no Maranhão, pela 6ª rodada da Série B do Brasileiro. Depois, na terça, a equipe pega o Paraná, em Curitiba. (Gustavo Magnusson/Da Agência Anhanguera)

Escrito por:

Gustavo Magnusson/AAN