Publicado 28 de Agosto de 2020 - 11h28

Por Alenita Ramirez

Cigarros apreendidos por agentes do 13° DP

Divulgação

Cigarros apreendidos por agentes do 13° DP

Agentes do 13º Distrito Policial (DP) apreenderam na tarde desta quinta-feira (27), 165 maços de cigarros contrabandeados em um bar na Vila Brandina, em Campinas. O proprietário do estabelecimento, de 33 anos, foi preso em flagrante por crime contra a saúde pública, pagou fiança e vai responder em liberdade.

A localização dos cigarros se deu durante diligências dos policiais no bairro para esclarecimentos de crimes contra o patrimônio, como roubos e furtos, quando depararam os produtos expostos e vendidos no bar. De acordo com o investigador-chefe, Marcelo Hayashi, o comerciante alegou que adquiriu os cigarros de um desconhecido que vende produtos paraguaios por preços baixo para revender em seu comércio e assim aumentar sua renda.

O comerciante foi detido e o delegado Cássio Vita Biazolli o indiciou no artigo 278 do Código Penal (CP), que trata de fabricar, vender, expor à venda, ter em depósito para vender ou, de qualquer forma, entregar a consumo coisa ou substância nociva à saúde, ainda que não destinada à alimentação ou a fim medicinal, com pena de detenção, de um a três anos, e multa. “Um delito que conta com a falta de informação dos consumidores sobre os perigos à saúde que tais produtos sem controle e fiscalização de qualidade podem causar, embora atrativo pelo baixo preço”, disse Biazolli.

Escrito por:

Alenita Ramirez