Publicado 26 de Agosto de 2020 - 20h22

Por AFP

O argentino Juan Martín del Potro foi operado nesta quarta-feira pela terceira vez no joelho direito, o mesmo em que se lesionou no Masters de Xangai de 2018, informou sua assessoria de imprensa.

"Juan Martín del Potro foi operado esta manhã no joelho direito pela equipe liderada pelo Dr. Roland Biedert em Berna, na Suíça. Ele terá alta nos próximos dias", diz o comunicado.

O argentino de 31 anos sofreu sete operações ao longo de sua carreira que teoricamente o impediram de conquistar mais títulos. O O tenista conquistou o Aberto dos Estados Unidos em 2009, seu primeiro e único Grand Slam.

De acordo com um comunicado de sua assessoria, Del Potro teria se exercitado em Buenos Aires, "mas a dor na área nunca parava".

"Delpo", que subiu para o número 3 no ranking ATP, está atualmente em 132º lugar e não joga desde o torneio de Queen"s em 2019.

Além das suas três operações, Del Potro também foi submetido a uma cirurgia em 2010 no pulso direito, e outras três vezes, em março de 2014, janeiro de 2015 e junho de 2015 no pulso esquerdo.

O sérvio Novak Djokovic, que já disputou 20 partidas contra Del Potro ao longo de 13 anos, disse que espera ver o argentino, vencedor de 22 títulos na carreira, se recuperar totalmente.

"Eu o amo e o apoio e lhe envio meus melhores votos", disse Djokovic após chegar às semifinais do Western e Southern Open em Nova York.

"Ele é provavelmente um dos jogadores de tênis mais azarado que conheci com lesões. Com a qualidade do tênis que ele possui, é realmente lamentável vê-lo lutar tanto (contra as contusões).

"Seu espírito de luta e resiliência para voltar é algo muito inspirador. Ele é um gigante gentil, um cara muito agradável. Espero vê-lo em breve".

dj/pb/iga/aam

Escrito por:

AFP