Publicado 20 de Junho de 2020 - 19h12

Por AFP

A Autoridade Palestina anunciou neste sábado (20) o fechamento temporário de Hebron e Nablus para lidar com a disseminação do novo coronavírus, depois que novos casos foram relatados nas duas cidades da Cisjordânia ocupada.

O governo palestino decidiu bloquear Hebron "para que seja proibido sair ou entrar, exceto no movimento de mercadorias", disse o primeiro-ministro palestino Mohammed Shtayyeh, que também mencionou Nablus em uma entrevista coletiva em Ramallah, sede da Autoridade Palestina. na Cisjordânia.

O fechamento de Hebron durará cinco dias e 48 horas em Nablus, acrescentou Shtayyeh.

Este anúncio ocorre quando as duas cidades palestinas registram um aumento significativo de infecções devido ao novo coronavírus.

No sábado, 48 casos foram registrados em Hebron, elevando o número de doentes para 258, enquanto Nablus em 23 casos.

Oficialmente, a Cisjordânia, um território palestino ocupado por Israel, contabiliza 687 casos e duas mortes por COVID-19.

he/alv/on/all/eg/dga/lca

Escrito por:

AFP