Publicado 20 de Junho de 2020 - 17h22

Por Estadão Conteúdo

Uma das investigadas no suposto esquema de "rachadinha" no gabinete do então deputado Flávio Bolsonaro (Republicanos), Nathalia Queiroz, filha do ex-policial militar Fabrício Queiroz, postou em uma rede social neste sábado (20) que está sentindo falta do pai. Foi a primeira manifestação dela desde a prisão de Queiroz, ocorrida na quinta-feira, em Atibaia, no interior de São Paulo.

"Pai, te amo e isso nunca vai mudar. Estou sentindo sua falta. Falta de te dar 'bênção' todos os dias. De sorrir e até de brigar com o senhor. Meu coração está despedaçado", escreveu, em postagem no Instagram. Personal trainer de celebridades, Nathalia tem mais de 11 mil seguidores nesta rede social.

O texto foi publicado em cima de uma foto em que aparece uma mão feminina segurando um boné igual ao que Queiroz usou no dia de sua prisão.

Em conversas por mensagem às quais o Ministério Público do Rio (MP-RJ) teve acesso, Nathalia e a mulher de Fabrício Queiroz criticaram o fato de o pai ainda continuar tentando mandar na política mesmo sendo o principal alvo da investigação contra o senador Flávio Bolsonaro. Numa das mensagens, a filha de Queiroz chegou a dizer que o pai "não se cansa de ser burro".

Escrito por:

Estadão Conteúdo