Publicado 18 de Junho de 2020 - 19h53

Por AFP

O Real Madrid (2º) venceu o Valencia (8º) por 3 a 0 nesta quinta-feira em casa pela 29ª rodada da Liga espanhola, com dois gols do atacante francês Karim Benzema e manteve sua perseguição ao líder Barcelona.

No segundo tempo, Benzema abriu e fechou o placar (61, 86), enquanto o meia Marco Asensio marcou o segundo gol (74), e manteve o time merengue na segunda posição da tabela a dois pontos do time catalão, faltando nove rodadas.

O time da capital espanhola controlava a bola, mas muitas vezes tropeçava em um Valencia bem organizado, que procurava surpreender com lançamentos por trás da defesa merengue e que chegou a ter um gol do atacante Rodrigo Moreno anulado (20).

Moreno havia tido outra grande oportunidade com um chute cruzado que explodiu na trave (14), enquanto o Real Madrid procurou suas oportunidades com chutes de longe devido à dificuldade de penetrar na área.

O brasileiro Casemiro (4), o alemão Toni Kroos (11) e o belga Eden Hazard (17) tentaram, mas a bola foi parar nas mãos do goleiro Jasper Cillessen.

O jogo ficou mais animado após o intervalo, quando o Real Madrid avançou as linhas e pressionou mais, mantendo o Valencia em sua área.

O Real perseguia o gol adversário até que Hazard recebeu uma bola em profundidade na área e deixou para Benzema, que mandou para o fundo da rede (61).

O gol elevou a moral da equipe merengue que continuou pressionando até que Asensio, que entrou em campo após dez meses lesionado, finalizou um cruzamento do lateral-esquerdo francês Ferland Mendy para fazer 2 a 0 (74).

No final, Benzema voltou a brilhar desviando um cruzamento de Asensio e fechando o placar em 3 a 0 (86).

O francês conseguiu reduzir levemente sua desvantagem na artilharia em relação ao líder Lionel Messi. O argentino, que converteu um pênalti na terça-feira na vitória do Barcelona por 2 a 0 sobre o Leganes, tem 21 gols, enquanto Benzema agora tem 16.

Mais cedo a Real Sociedad (6º) perdeu por 2 a 0 fora de casa para o Alavés (12º), complicando sua luta para se classificar para a Liga dos Campeões.

O lateral-direito Borja Sainz abriu o placar no segundo tempo (59) e seu companheiro Martín Aguirregabiria ampliou nos acréscimos (90+6), deixando a Real Sociedad, que já havia empatado em 1 a 1 com o Osasuna no domingo, fora da zona da Champions, que na Espanha inclui os quatro primeiros.

O Atlético de Madrid alcançou o quarto lugar na quarta-feira ao derrotar o Osasuna (13º) por 5 a 0. O Getafe (5º), com os mesmos pontos da Real Sociedad, mas agora com um melhor saldo de gols, empatou na terça em 0 a 0 com o Espanyol (19º).

A Real Sociedad, que terminou o jogo com dez em campo devido à expulsão do zagueiro Joseba Zaldua após receber o segundo cartão amarelo (80), se deparou com um time do Alavés bem armado e que anulou jogadores fundamentais da Real como Martin Odegaard e Mikel Oyarzabal com sua pressão.

Escrito por:

AFP