Publicado 09 de Março de 2020 - 6h25

Por AFP

Um dia antes da abertura, o torneio de Indian Wells, um dos mais importantes do calendário do tênis mundial, se tornou no domingo o primeiro grande evento esportivo cancelado nos Estados Unidos pelo temor de avanço do coronavírus.

O torneio do circuito masculino (ATP) e feminino (WTA) aconteceria de 9 a 22 de março no condado de Riverside (200 km ao leste de Los Angeles).

Em um comunicado, os organizadores do torneio explicam que a decisão de suspender o evento foi tomada depois que o Departamento de Saúde Pública de Riverside "declarou emergência sanitária para o vale de Coachella após um caso confirmado de coronavírus (COVID-19) a nível local".

"Estamos muito decepcionados porque o torneio não será disputado, mas a saúde e a segurança da comunidade local, torcedores, jogadores, voluntários, patrocinadores, funcionários, vendedores e todos os envolvidos no evento têm importância primordial", declarou o diretor do torneio, o ex-tenista alemão Tommy Haas.

"Estamos preparados para hospedar o torneio em outra data e vamos explorar opções", completou.

No fim de semana, a organização de Indian Wells anunciou uma série de medidas de prevenção para o torneio, ao mesmo tempo que ofereceu aos torcedores a opção do reembolso dos ingressos ou a substituição por entradas para 2021.

O próximo torneio ATP e WTA é o Open de Miami, programado para começar em 23 de março. Posteriormente, o circuito segue para a Europa para a temporada de saibro, com torneios em Roma - a Itália é o país mais afetado pela epidemia - e o Grand Slam de Roland Garros em Paris.

gbv/es/fp

Escrito por:

AFP