Publicado 05 de Março de 2020 - 19h57

Por AFP

Wall Street deu outra volta de montanha-russa nesta quinta-feira e fechou com forte baixa, em um mercado com dificuldade para avaliar as consequências da epidemia do novo coronavírus.

O índice industrial Dow Jones fechou em queda de 3,58%, a 26.121,28 pontos, enquanto o tecnológico Nasdaq recuou 3,10%, a 8.738,59 unidades. O SP 500 cedeu 3,39%, a 3.023,94.

Após sua pior semana desde 2008, os índices se mantêm muito voláteis com os investidores atentos à evolução da epidemia.

As principais afetadas por esta queda são as companhias aéreas, particularmente atingidas nesta quinta-feira. A United Airlines caiu 13,25%, a American Airlines 13,24%, a JetBlue 10,81% e a Delta 7,20%.

As companhias aéreas podem perder até US$ 113 bilhões em receita em 2020 devido ao impacto do novo coronavírus, estimou nesta quinta-feira a Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA).

"Os mercados sabem lidar com más notícias porque podem quantificá-las", disse Quincy Krosby, da Prudential. "Gerenciar a incerteza é muito mais complicado", acrescentou.

Com a epidemia do novo coronavírus, a incerteza diz respeito ao seu escopo e suas consequências para a economia.

As empresas no momento apontam que a epidemia interrompeu suas cadeias de suprimentos, mas se se estender muito mais "a questão será se elas começarão a dar licença para equipes" e, depois, "qual será o impacto nos gastos dos consumidores, sabendo que esse item representa 68% do PIB nos Estados Unidos", argumentou Krosby.

jum/dho/myl/mr/ll

Escrito por:

AFP