Publicado 04 de Março de 2020 - 19h07

Por Estadão Conteúdo

Os efeitos do coronavírus na economia brasileira podem afetar o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de 2020. A avaliação é do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Segundo ele, a projeção de crescimento ao final de 2019 já era estava abaixo da expectativa. "Somado ao coronavírus, é claro que isso acelera no curto prazo a queda de projeção do crescimento do PIB para este ano", disse.

Ele pontuou, contudo, que é cedo para dizer e apostou em uma recuperação com projeção de crescimento em 2,4%, que era a expectativa no fim de 2019. "Acho que a questão do coronavírus pode ter um encaminhamento que estabilize os problemas e que a gente possa recuperar tanto com gestão do governo quanto com aprovação de reformas", contrapôs.

Maia afirmou ainda que, se o governo demorar para enviar uma proposta de reforma administrativa, a Casa apresentará a sua. "Acho que a Câmara deve e vai dar sua contribuição na reforma administrativa. Se puder ser junto com o governo, bom. Se não puder, acho que durante o mês de março eu tenho a da Câmara, os projetos organizados para que eu possa dividir com os líderes e avaliar o que a gente consegue votando já a partir do mês que vem", declarou.

Escrito por:

Estadão Conteúdo