Publicado 01 de Março de 2020 - 18h06

Por AFP

O Wolverhampton manteve suas chances de se classificar para a Liga dos Campeões ao vencer o Tottenham por 3 a 2 de virada fora de casa neste domingo pela 28ª rodada da Premier League.

A equipe comandada pelo técnico português Nuno Espirito Santo estava atrás no placar (2-1) mas conseguiu virar o jogo com os gols do meia português Diogo Jota (57) e do atacante mexicano Raúl Jiménez (73).

Com este triunfo, os "Wolves" ocupam agora a sexta posição, com dois pontos a mais que o Tottenham, que é o sétimo.

A equipe está empatada, com o mesmo número de oontos (42) do quinto, o Manchester United, que empatou (1-1) fora de casa com o Everton (11º), enquanto que a quarta posição ainda pertence ao Chelsea, com 45.

Terminar na quinta posição pode significar se classificar para a Liga dos Campeões, já que o segundo colocado, o Manchester City, foi excluído pela Uefa das competições europeias, embora tenha a esperança de apelar.

O Tottenham ficou duas vezes em vantagem no placar com gols do holandês Steven Bergwijn, bem posicionado para marcar após um chute certeiro de Dele Alli aos 13 minutos e um chute certeiro do marfinense Serge Aurier nos acréscimos do primeiro tempo (45+1) fazendo 2 a 1.

Mas o Wolverhampton soube responder. Primeiro através do irlandês Matt Doherty (27), depois com Diogo Jota, que marcou seu sexto gol em três jogos e dez dias, e finalmente com Jiménez, após um passe do português.

Enquanto isso o Manchester United sofreu um gol logo aos 3 minutos, quando David De Gea demorou demais a afastar uma bola e seu chute acabou sendo aproveitado por Dominic Calvert-Lewin que abriu o placar (1-0).

Esse foi o sétimo erro do goleiro espanhol diretamente relacionado a um gol desde o início da temporada passada, a pior estatística na Premier League, compartilhada com o alemão do Arsenal, Bernd Leno, e o eslovaco do Newcastle, Martin Dubravka.

Não foi uma boa partida para os goleiros, já que no gol de empate do United, aos 31 minutos, o disparo do português Bruno Fernandes foi potente mas parecia tranquilamente ao alcance de Jordan Pickford, goleiro do Everton e da seleção inglesa.

-- Jogos da 28ª rodada do Campeonato Inglês e classificação:

Escrito por:

AFP