Publicado 05 de Fevereiro de 2020 - 5h30

A Vigilância em Saúde interditou ontem o restaurante Le Troquet, no distrito de Sousas, em Campinas, especializado na gastronomia francesa. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Campinas, houve denúncia anônima e, após uma vistoria pela manhã de ontem, foi constatado o uso de produtos vencidos e de alimentos sem procedência, além da falta de higiene e de boas práticas no restaurante.

Com isso, a Vigilância inutilizou produtos que estavam no estabelecimento e determinou realização de adequações e correções. Não há prazo para a reabertura, pois, segundo nota da Secretaria de Saúde, a reabertura está condicionada ao cumprimento das adequações.

O restaurante Le Troquet se posicionou em nota oficial no final da tarde. Segundo a nota, “foram constatados pelos profissionais problemas em maquinários, necessidade de substituição de telas, lâmpadas, trocas de ralos e grelhas e algumas adequações estruturais”.

O restaurante justificou também que “a Vigilância solicitou a adequação das etiquetas de identificação de produtos conforme normas vigentes e esses foram os itens apontados que levaram ao fechamento da casa”.

Diante disso, o Le Troquet respondeu, por meio de nota, que “imediatamente após o fechamento toda a equipe passou a trabalhar para realizar as adequações indicadas pelos profissionais da Vigilância, bem como a contratação de profissionais como pedreiros, eletricistas e pintores para o quanto antes realizar as obras necessárias”. Não há previsão ainda de quando estas adequações serão concluídas.