Publicado 28 de Fevereiro de 2020 - 16h06

Por AFP

A Federação Internacional do Automóvel (FIA) anunciou que entrou em acordo com a Ferrari após "uma investigação técnica" sobre o "funcionamento do motor" da escuderia italiana, segundo comunicado publicado nesta sexta-feira (28), sem dar maiores informações sobre o contexto.

Várias equipes expressaram no ano passado suspeitas sobre a conformidade regulamentar dos propulsores usados pela Ferrari na segunda metade da temporada.

"Os detalhes deste acordo ficarão entre as partes", completou a FIA no comunicado divulgado.

Questionadas pela AFP, a FIA e a Ferrari não quiseram dar mais detalhes sobre a natureza do acordo.

pel/dr/am

FERRARI NV

Escrito por:

AFP