Publicado 07 de Fevereiro de 2020 - 10h00

Por AFP

O aeroporto internacional de Dubai (DXB) registrou em 2019 sua primeira redução de tráfego em 20 anos, mas permanece como a primeira plataforma mundial para passageiros internacionais com 86,6 milhões de viajantes em 12 meses, anunciou nesta quarta-feira o terminal aéreo.

O DXB recebeu um total de 86.396.757 pessoas em 2019, uma redução de 3,1% devido a "uma série de desafios durante o ano", informa o aeroporto em um comunicado.

A primeira redução desde o ano 2000 foi provocada pelo fechamento temporário, para reforma, de uma das pistas do aeroporto, as condições do mercado mundial, a falência da companhia indiana Jet Airways e pela decisão da Boeing de manter em terra os 737 Max em todo o mundo.

"O impacto (deste fatores) representou uma queda de quase 3,2 milhões de passageiros durante o ano", afirmou Paul Griffiths, diretor geral da Dubai Airports, que administra os aeroportos de Dubai.

O aeroporto DXB continua sendo o primeiro do mundo em termos de passageiros internacionais pelo sexto ano consecutivo, com quase seis milhões de passageiros a mais que o segundo colocado, Londres Heathrow.

O aeroporto recebeu em média 7,2 milhões de passageiros por mês.

Os principais destinos são Índia, seguida por Arábia Saudita e o Reino Unido.

oh/aem/mdz/pcm/mis/zm/fp

BOEING

Escrito por:

AFP