Publicado 07 de Fevereiro de 2020 - 9h58

Por AFP

O técnico do Paris Saint-Germain, Thomas Tuchel, lamentou nesta segunda-feira (3) em coletiva de imprensa o fato de Neymar ter organizado no domingo em Paris uma festa para festejar seus 28 anos, 48 horas antes do próximo jogo do clube parisiense.

"Protejo sempre meus jogadores, adoro este grupo. Com esta festa, aceito que é um pouco difícil de protegê-los, mas o contexto não se limita a isso. Não é a melhor maneira de nos prepararmos para um jogo, mas também não é a pior coisa", declarou o técnico alemão em coletiva de imprensa.

Fiel a seus costumes, mas de maneira mais discreta do que nos anos anteriores, Neymar organizou uma festa no centro de Paris para comemorar seu aniversário. Vestidos de branco, tema da festa, muitos companheiros de PSG foram ao evento.

"É uma pena, dá motivos para falarem mal de nós. Temos que nos adaptar, mas não deixarei um jogador no banco porque ele foi a uma festa", completou Tuchel.

No sábado, após a vitória por 5 a 0 sobre o Montpellier, Tuchel já havia mostrado um certo desconforto com a comemoração organizada pelo atacante brasileiro.

"O aniversário de "Ney" é o tipo de coisas que dá a imagem de que não somos sérios. Dá a impressão de que não somos profissionais. É uma distração, isso é claro", declarou o técnico.

O PSG joga nesta terça-feira em Nantes pela 23ª rodada do Campeonato Francês.

bur/pm/am

Escrito por:

AFP