Publicado 07 de Fevereiro de 2020 - 9h54

Por AFP

O presidente americano, Donald Trump, ironizou nesta terça-feira (4) o que chamou de "desastre sem atenuantes" das primárias democratas de Iowa, pontapé inicial da disputa do partido de oposição para designar seu rival nas eleições de novembro.

"Nada funciona, assim como eles administravam o país", tuitou o presidente, reagindo à demora da publicação dos resultados.

Em referência ao fato de que venceu com relativa facilidade o "caucus" do Partido Republicano neste estado do Meio-Oeste americano, o presidente destacou que "a única pessoa que pode reivindicar uma grande vitória em Iowa na noite passada é "Trump"".

Também pelo Twitter, Eric Trump, um dos filhos do presidente, afirmou que, na votação em Iowa, seu pai bateu os recordes históricos para um presidente em exercício. "A energia aqui em #Iowa é elétrica", comentou.

Pequeno estado rural que abre a temporada eleitoral nos Estados Unidos desde a década de 1970, Iowa é visto como um termômetro no maratônico processo para determinar os pré-candidatos à Presidência.

Os crescentes questionamentos nas próprias fileiras democratas do papel de Iowa na corrida eleitoral e de seu sistema de assembleias de eleitores deram a Trump, mais uma vez, argumentos para alfinetar seus adversários.

"Não é culpa de Iowa, é culpa dos Democratas Que Não Fazem Nada. Enquanto eu for Presidente, Iowa permanecerá onde está. Uma tradição importante!", garantiu Trump no Twitter.

jca/phv/yow/fp/tt

Escrito por:

AFP