Publicado 07 de Fevereiro de 2020 - 9h49

Por AFP

O Talibã acusou nesta terça-feira os Estados Unidos de bloquearem as negociações de paz encaminhadas para uma retirada das tropas americanas do Afeganistão depois de 18 anos de guerra.

Os talibãs "têm a vontade e a capacidade para alcançar uma solução", disse seu porta-voz, Zabihullah Mujahid, no Twitter.

"As muitas exigências americanas e as disputas entre os Estados Unidos e as autoridades de Cabul prejudicam as negociações", acrescentou.

"@SecPompeo (o secretário de Estado americano Mike Pompeo) deveria se abster de responsabilizar os demais pela situação atual. Nossa posição é clara e precisa, diferente da deles", comentou.

O emissário americano encarregado das negociações com os talibãs, Zalmay Khalilzad, retomou recentemente suas viagens para se reunir com as diferentes partes envolvidas na questão afegã.

No sábado, ele se encontrou com o presidente afegão Ashraf Ghani, após uma viagem ao Paquistão, onde se reuniu com várias autoridades, incluindo o poderoso general Qamar Javed Bajwa.

ds/rbu/glr/avz/mab/mb/mr

Escrito por:

AFP