Publicado 21 de Janeiro de 2020 - 8h07

Por Da Agência Anhanguera

Obra de passagem de pedestres é suspensa

Wagner Souza/AAN

Obra de passagem de pedestres é suspensa

A Concessionária Rota das Bandeiras, que administra o Corredor Dom Pedro, interditou, desde ontem, o tráfego de veículos na passagem inferior do km 140 da rodovia D. Pedro I (SP-065), em Campinas, que permitia o retorno da pista Norte (sentido Anhanguera) para a pista Sul (sentido Jacareí) da rodovia.

A interdição é definitiva e está prevista no contrato de concessão do Corredor D. Pedro, firmado pela concessionária com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Agência de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp).

A passagem inferior será requalificada e transformada em uma passagem exclusiva para a travessia de pedestres. Além disso, o local receberá iluminação e pontos de parada destinados ao embarque e desembarque de passageiros do transporte coletivo.

“Existe sempre uma preocupação muito grande com a questão da segurança. Da forma como a passagem existe hoje, ela não oferece condições ideais nem a motoristas nem a pedestres que passam pelo local”, explica o engenheiro que será o responsável pela obra, Rodrigo Lemos.

Com a intervenção no local, os motoristas que utilizavam a passagem inferior devem ficar atentos e utilizar, preferencialmente, a seguinte rota para acesso à região: no km 139 da rodovia D. Pedro I, acessar a pista Sul (sentido Campinas) da rodovia Prof. Zeferino Vaz (SP-332) e seguir até o km 113, pouco depois da passarela, para acessar a rua Henrique Veiga.

Outra opção é fazer o retorno no km 143 da D. Pedro I, no Trevo dos Amarais, que atualmente passa por um processo de remodelação, com previsão de entrega das obras para setembro deste ano.

A concessionária, inclusive, realizou uma mudança viária no dispositivo no dia 13 que permite aos motoristas acessar a pista Sul da rodovia D. Pedro I (sentido Jacareí) por meio de uma nova alça, sem a necessidade de efetuar o retorno pela avenida Comendador Aladino Selmi, como acontecia anteriormente. A medida possibilita um tempo menor de percurso aos usuários que têm como destino a região do bairro Santa Genebra.

Todas essas intervenções integram o pacote de obras de requalificação do trecho de Campinas da rodovia D. Pedro I, que conta ainda com a implantação das vias marginais, além da remodelação de outros trevos e acessos.

Para minimizar os transtornos aos moradores e usuários, a concessionária informou previamente os responsáveis pelos empreendimentos e condomínios da região sobre o fechamento do acesso.

Além disso, a Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) e a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) também foram notificadas sobre eventuais impactos na circulação das linhas do transporte coletivo, que não terão suas rotas alteradas.

Os motoristas que desejarem mais informações podem entrar em contato com a Rota das Bandeiras por meio do fone 0800-770-8070.

A ligação é gratuita e o Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU) da concessionária funciona 24 horas.

Confira o vídeo:

Escrito por:

Da Agência Anhanguera