Publicado 04 de Dezembro de 2019 - 10h27

Por Gustavo Magnusson

 Torcida Ponte Preta

Cedoc/RAC

Torcida Ponte Preta

Em processo de reformulação de elenco, a Ponte Preta possui quatro nomes engatilhados para a próxima temporada que vão além do zagueiro Alisson e do volante Índio, do Operário-PR. A lista de possíveis reforços também conta com o lateral-esquerdo Apodi (CSA), o meia-atacante João Paulo (Avaí) e os atacantes Zé Roberto (São Bento) e Safira (Londrina), todos destaques de equipes rebaixadas de divisão nacional nesta temporada. 

Na contramão das possíveis chegadas, a Ponte Preta já sabe que não contará com os zagueiros Renan Fonseca e Reginaldo para o ano que vem. Revelado na Macaca, Renan deixa o clube após 124 jogos e quatro gols marcados desde que sua segunda passagem pelo clube se iniciou, em 2018. Neste ano, além de capitão durante boa parte da temporada, ele foi o jogador que mais entrou em campo pela Ponte. Foram 47 partidas, no total. Já Reginaldo dá adeus com 57 partidas e três gols nas duas últimas temporadas. O momento mais marcante aconteceu no Dérbi do primeiro turno da Série B do ano passado, quando anotou o primeiro gol da vitória de virada por 3 a 2 sobre o Guarani no Brinco de Ouro.

"Gostaria de deixar o meu agradecimento a todos com quem convivi durante essas duas temporadas e em que defendi a camisa da Ponte Preta. Quero agradecer a todos os profissionais que tive a oportunidade de trabalhar. Também deixo um carinho muito especial a todo torcedor pontepretano", despediu-se Reginaldo através de suas redes sociais. O jogador está emprestado pelo Fluminense e retorna às Laranjeiras para definir seu futuro.

Desta forma, Renan Fonseca e Reginaldo se juntam ao meia-atacante Marquinhos, que já havia anunciado sua saída na semana passada após 25 jogos e dois gols marcados pela Ponte. Ele voltou para o Corinthians.

Escrito por:

Gustavo Magnusson