Publicado 01 de Outubro de 2019 - 9h32

Por Paulo Santana


Cedoc/RAC

Depois de um longo tempo, o departamento médico da Ponte Preta finalmente está vazio. Os atacantes Tiago Marques e Marcondele participaram do treino comandado pelo técnico Gilson Kleina, ontem à tarde, no CT do Jardim Eulina. Outras novidades foram Rafael Longuine e Marquinhos, que iniciaram a fase de transição e, dependendo da evolução, também ficarão à disposição para o jogo de sábado, às 11h, em Ribeirão Preto, diante do Botafogo, pela 26ª rodada da Série B do Brasileiro.

Mas, diante das primeiras declarações de Gilson Kleina depois da boa vitória sobre o Cuiabá, o time dificilmente terá alterações e o quarteto ficará, no máximo, como opção no banco. “Quanto mais você pode dar sequência pra escalação, mais entrosamento ganha. Manter a escalação faz o time ganhar entrosamento, mantém nível de confiança e padrão de jogo. Estamos criando uma identidade e é fundamental.”

Segundo o técnico, o próximo jogo será fundamental para se aproximar ainda mais da zona de acesso. “Vamos viver um jogo de cada vez para crescer na tabela. Temos que ser competentes para conseguir um resultado positivo e, aí sim, poder brigar diretamente no G4”, disse.

Esperando contar com o torcedor, a diretoria disponibilizou ônibus gratuito para o TC10+ ir até o estádio do Botafogo-SP. As senhas que garantem a viagem podem ser retiradas a partir de hoje, das 11h às 18h, no estádio. Amanhã e quinta, será das 9h às 18h. A saída do ônibus está prevista para as 7h do sábado.

Com os resultados da 25ª rodada, a Ponte ficou em oitavo lugar, com 35 pontos, um a menos que o Botafogo-SP (6º colocado) e a quatro do CRB, (4º). “A virada chegou e o time precisa do apoio do torcedor para dar continuidade à uma boa sequência e voltar ao G4. Com certeza, estaremos juntos em Ribeirão Preto”, diz o presidente José Armando Abdalla Junior.

Em busca de mais um atacante, a Ponte negocia com Ewandro, que está no Fluminense, mas pertence à Udinese, da Itália. A Chapecoense também manifestou interesse no jogador de 23 anos. A última vez que entrou em campo foi em 13 de junho. 

Escrito por:

Paulo Santana