Publicado 02 de Outubro de 2019 - 8h30

Por AFP

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, reafirmou nesta quarta-feira que seu país abandonará a União Europeia (UE) em 31 de outubro "aconteça o que acontecer", ao mesmo tempo que disse esperar que o bloco faça concessões para alcançar um acordo sobre o Brexit.

Em um discurso no congresso do Partido Conservador em Manchester, Johnson destacou que a "proposta" que apresentará a Bruxelas exclui controles na fronteira irlandesa e afirmou que, se não for aceita, a única alternativa é um Brexit sem acordo.

acc/pc/fp

Escrito por:

AFP