Publicado 29 de Setembro de 2019 - 17h11

Por Agência Anhanguera

Ronaldo Lopes de Lima era funcionário do Departamento de Água e Esgoto

Reprodução

Ronaldo Lopes de Lima era funcionário do Departamento de Água e Esgoto

Um homem de 45 anos morreu na noite deste sábado (28) enquanto brincada de ser assaltante em uma lanchonete de Cosmópolis. Ele foi atingido por três disparos realizados por um policial militar à paisana, que estava no local. Uma testemunha disse que o homem era brincalhão e costumava fazer esse tipo de pegadinha.

Ronaldo Lopes de Lima era funcionário do Departamento de Água e Esgoto da cidade, e, de acordo com a Polícia Civil, teria entrado na lanchonete às 20h e anunciando o assalto. Ele teria interpelado o PM, que estava com a família, e exigido dinheiro. O servidor ainda teria andado pelo estabelecimento, usando linguagem de assaltantes.

O militar teria se levantado e se identificado, pedindo que ele largasse a arma, no entanto, Lima teria, segundo a Polícia Civil, apontado a arma para o policial, que disparou três vezes.

O policial militar, ao desarmar o homem, percebeu que a arma que ele portava seria apenas um simulacro. Na sequência, a PM foi acionada.

O homem morreu ainda na lanchonete. O caso será investigado.

Escrito por:

Agência Anhanguera