Publicado 18 de Maio de 2019 - 12h40

Por AFP

"Chegou a hora da separação, da melhor maneira", afirmou neste sábado um emocionado Massimiliano Allegri, que depois de cinco anos como técnico da Juventus deixará o cargo, como havia sido anunciado oficialmente na sexta-feira."Conversamos, cada um deu sua opinião sobre o futuro e sobre o que falta para a Juve. O clube avaliou que era melhor eu não continuar como técnico", declarou Allegri em coletiva de imprensa, que contou com a presença de todos os jogadores do elenco."Vivo este momento com tranquilidade. Na vida profissional, há momentos em que a gente se separa. É algo fisiológico", completou.O presidente da Juventus, Andrea Agnelli, também presenciou a coletiva e confirmou ter sido o responsável pela decisão de tirar o técnico do cargo, apesar de ter conquistado cinco títulos italianos e quatro Copas da Itália em cinco anos sob o comando de Allegri, além de ter chegado a duas finais da Liga dos Campeões."Após a derrota para o Ajax (nas quartas da Champions), sinceramente acreditava que continuaríamos juntos. Foi difícil entendermos juntos que chegou a hora de encerrar um dos ciclos mais extraordinários da história da Juve", declarou Allegri."Como dirigente de uma empresa, é preciso saber tomar decisões nos momentos adequados. O futuro dirá se esta foi acertada", concluiu o técnico.stt/dr/am

Escrito por:

AFP