Publicado 12 de Maio de 2019 - 12h10

Por AFP

O ex-patriarca maronita do Líbano, Nasrallah Butros Sfeir, uma figura respeitada que desempenhou um papel fundamental na vida política e foi um defensor da retirada da Síria do seu país, faleceu neste domingo, a poucos dias de completar 99 anos.Sfeir tornou-se, em 1986, o chefe da maior comunidade cristã do Líbano, um país então em plena guerra civil travada durante 15 anos por várias milícias.Patriarca de Antioquia e de todo o Oriente, apresentou sua renúncia no Vaticano em 2011, aos 90 anos, por causa de sua saúde. Em 1994, ele foi nomeado cardeal por João Paulo II.O patriarca, que completaria 99 anos em 15 de maio, morreu no domingo às 3h00, "depois de vários dias de cuidados intensivos", informou a igreja maronita em um comunicado. Nasrallah Butros Sfeir também foi um defensor da independência de seu país e se posicionou contra o controle da Síria, que por anos manteve milhares de soldados no Líbano, mesmo após o fim da guerra civil (1975-1990).rh/jmm/tgg/bek/mdz/gk/pc/me/mr

Escrito por:

AFP