Publicado 05 de Abril de 2019 - 16h10

Por AFP

O vocalista dos Rolling Stones, Mick Jagger, de 75 anos, assegurou nesta sexta-feira (5) que se sente "muito melhor" após a cirurgia cardíaca à qual foi submetido em Nova York."Obrigado a todos por suas mensagens de apoio. Me sinto muito melhor agora e estou me recuperando", escreveu o artista em sua conta no Twitter.Jagger também agradeceu à equipe do hospital que o atendeu "por fazerem um excelente trabalho".Os Rolling Stones anunciaram no sábado o adiamento de 17 shows nos Estados Unidos e Canadá, que começariam em 20 de abril, em razão da saúde de Jagger.A revista Billboard informou na noite de quinta-feira que o cantor foi submetido a uma substituição da válvula aórtica em um procedimento pouco invasivo. Para evitar a cirurgia de coração aberto, muito mais arriscada, os médicos implantaram a válvula pela artéria femoral na coxa, sem remover a válvula danificada, segundo a Billboard. A informação não foi confirmada pelo hospital ou por Jagger. Assessores do cantor e dos Rolling Stones não responderam aos pedidos de comentários da AFP.Depois de anunciar o adiamento de sua turnê norte-americana, Jagger tuitou que estava "devastado" e que ele trabalhará duro "para voltar ao palco o mais rápido possível". "Eu realmente odeio desapontá-los assim", escreveu para seus fãs. Jagger, que tem oito filhos, cinco netos e uma bisneta, é conhecido por manter altos níveis de energia no palco, apesar de seus setenta anos.

Escrito por:

AFP