Publicado 27 de Fevereiro de 2019 - 12h50

Por AFP

O Nantes recorreu à Fifa para receber do Cardiff o valor da transferência pela venda do atacante argentino Emiliano Sala, informou nesta quarta-feira uma fonte próxima ao clube francês.Após a morte do jogador em um acidente de avião, o Cardiff decidiu não realizar um primeiro pagamento no valor de 6 dos 17 milhões de euros totais da transferência.O Nantes enviou em começo de fevereiro uma mensagem dando ao Cardiff 10 dias para efetuar o pagamento desse primeira parcela antes de recorrer à Fifa.Já o clube da Premier League manifestou sua vontade de esperar as conclusões da investigação sobre o acidente para ver se parte da responsabilidade poderia ser do Nantes.Contudo, o Cardiff acredita que o Nantes era o responsável pelo fatídico voo organizado por Mark McKay, filho do intermediário Willy McKay, encarregado pelo Nantes de encontrar um clube inglês para Sala.O Nantes argumenta que um Certificado Internacional de Transferência (CIT) registrando a contratação de Sala pelo Cardiff foi emitido antes do acidente. Assim, o jogador não estaria mais sob sua responsabilidade.Segundo um primeiro relatório da investigação provisória publicada na segunda-feira, a aeronave que transportava Sala e que era pilotada por David Ibbotson não tinha as autorizações legais para realizar voos comerciais.Ainda segunda o relatório, é improvável que o piloto tivesse a autorização para voar à noite.hap/iga/am

Escrito por:

AFP