Publicado 23 de Fevereiro de 2019 - 15h10

Por AFP

Pelo menos duas pessoas ficaram feridas pelos gases lacrimogêneos jogados da Venezuela para o lado colombiano da fronteira, onde os manifestantes tentam atravessar com ajuda humanitária, segundo um jornalista da AFP.Vários artefatos caíram no lado colombiano da ponte internacional Simón Bolívar, cujo fechamento foi ordenado pelo governo de Nicolás Maduro. Os feridos são manifestantes que participam de uma "corrente humanitária" que pretende fazer passar assistência para o território venezuelano, apesar do bloqueio ordenado por Maduro.raa-vel/lda/cn

Escrito por:

AFP