Publicado 07 de Fevereiro de 2019 - 21h30

Por AFP

A apuração das eleições salvadorenhas de domingo terminou nesta quinta-feira (7) e confirmou a contundente vitória de Nayib Bukele como presidente eleito de El Salvador, informou o Tribunal Supremo Eleitoral (TSE).Bukele, candidato do partido conservador Grande Aliança pela Unidade Nacional (GANA) alcançou 53,10% dos votos, o suficiente para vencer no primeiro turno, disse em coletiva de imprensa o presidente do TSE, Julio Olivo.Atrás do popular ex-prefeito de San Salvador, de 37 anos, ficou a direitista Aliança Republicana Nacionalista (Arena), com 31,72% dos votos para seu candidato, o empresário Carlos Calleja. O governante Frente Farabundo Martí para a Libertação Nacional (FMLN, esquerda), que postulou o ex-chanceler Hugo Martínez, alcançou 14,41%, e o partido minoritário Vamos, que impulsionou Joshua Alvarado, recebeu 0,77%."A porcentagem já verificada de participação cidadã foi de 51,88%", assinalou Olivo, depois de explicar os resultados da contagem final das eleições presidenciais de 3 de fevereiro, na qual 5.268.411 salvadorenhos foram chamados a votar."Demonstramos total transparência neste processo eleitoral. O TSE, como a mais alta autoridade eleitoral, dá por cumprida a missão correspondente às eleições de 2019", acrescentou Olivo.O TSE espera entregar na semana que vem as credenciais a Bukele como presidente eleito, junto com o vice-presidente eleito, Felix Ulloa.ob/mas/yow/cb

Escrito por:

AFP