Publicado 27 de Fevereiro de 2019 - 11h53

Por Maria Teresa Costa

Vereadores já se manifestaram na tribuna da Câmara

Leandro Ferreira/AAN

Vereadores já se manifestaram na tribuna da Câmara

Vereadores já se manifestam na tribuna da Câmara, após 18 horas de leitura ininterrupta do processo de cassação do prefeito Jonas Donizette (PSB). Já falaram os vereadores Mariana Conti (PSOL), Tenente Santini (PSD). Nelson Hossri (Podemos) está falando e estão inscritos aindas Angelo Diniz (PSD) e Jota Silva (PSB). Se não houver mais inscrições, na sequência o advogado Marcelo Pelegrini, fará a defesa do prefeito.

Ele terá até duas horas para falar e na sequência começarão as votações para julgar se Jonas foi omisso, negligente e quebrou o decoro no Caso Ouro Verde.

O denunciante Marcelo Silva (PSD) abriu mão da leitura de 50 páginas do processo e a defesa, de 59. O destino do prefeito poderá ser decidido no início da tarde. Para que seja cassado, são necessários 22 votos, número que não a Câmara não terá. A base vai garantir o arquivamento da denúncia.

Escrito por:

Maria Teresa Costa