Publicado 19 de Fevereiro de 2019 - 8h20

Por Estadão Conteudo

Recepção aos novos alunos na Faculdade de Tecnologia, em Limeira

Divulgação/Faculdade de Tecnologia

Recepção aos novos alunos na Faculdade de Tecnologia, em Limeira

Começou ontem o período de matrículas presenciais da Universidade de Campinas (Unicamp) dos candidatos aprovados em primeira e segunda chamadas. Este ano, a Unicamp oferece 2.589 vagas em 69 cursos de graduação da Unicamp pelo Vestibular Unicamp e outras 645 vagas pela modalidade Enem-Unicamp. Os calouros foram recebidos por veteranos e coletivos sociais voltados a grupos LGBTs, afrodescendentes e feministas.

Os estudantes aprovados nas duas primeiras chamadas deverão comparecer nos campi para realizar a matrícula presencial nos cursos em que foram aprovados. Segundo a Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest), os estudantes deverão realizar a matrícula em seus respectivos campi, como: Faculdade de Odontologia (FOP), localizado no campus de Piracicaba; Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA) e Faculdade de Tecnologia (FT), no campus de Limeira; demais cursos, no campus de Campinas.

A terceira chamada será divulgada amanhã (até as 23h59) e a matrícula para os convocados nessa lista deverá ser realizada no dia 22 de fevereiro.

No dia 25 de fevereiro, todos os candidatos já matriculados nas três primeiras chamadas, inclusive aqueles que aguardam remanejamento, deverão fazer a confirmação de matrícula, nos respectivos campi, conforme horários divulgados no Manual do Ingresso.

A matrícula só estará garantida após sua confirmação na data e horário estipulados, caso contrário será definitivamente cancelada. Nos dias 7 e 8 de março, os candidatos ainda não convocados até a terceira chamada deverão obrigatoriamente fazer a declaração de interesse por vagas, pela internet, na página da Comvest. Deixar de declarar interesse elimina o candidato do processo de convocação nas próximas chamadas.

Os ingressantes da Unicamp têm um novo perfil em 2019, uma vez que foram incluídos estudantes aprovados no vestibular indígena, no vestibular Unicamp, os selecionados pelo Enem, as cotas e os medalhistas de olimpíadas de conhecimento.

Escrito por:

Estadão Conteudo