Publicado 11 de Janeiro de 2019 - 9h11

Por Alison Negrinho

Por Alison Negrinho

Matheus Oliveira tem 21 anos e não está nos planos do Santos

Ivan Storti/Santos FC

Matheus Oliveira tem 21 anos e não está nos planos do Santos

Virou rotina neste início de temporada da Ponte Preta: a cada dia que passa, algum novo jogador chega ao clube. Ontem foi a vez da dupla formada pelo lateral-direito Arnaldo, ex-Botafogo (RJ), e o meia Matheus Oliveira, que pertence ao Santos e disputou a Série B de 2018 pelo rival Guarani.

Os jogadores se apresentaram ontem no Majestoso para a realização de exames médicos e, caso sejam aprovados, se juntarão ao restante do elenco.

Aos 26 anos, Arnaldo ainda possui contrato com o clube carioca. Desta maneira, ele chega por empréstimo até dezembro. Em 2018, o defensor atuou no Ceará na disputa do Campeonato Brasileiro, tendo participado de 12 jogos, quatro como titular e oito saindo do banco de reservas. Na Macaca, ele terá como principal concorrente Luís Ricardo, que também chegou recentemente.

Matheus Oliveira, por sua vez, tem contrato com o Santos até 30 de abril, mas não está nos planos do Peixe. O jovem de 21 anos assinou vínculo para a disputa do Campeonato Paulista, com a possibilidade de extensão do acordo se as duas partes quiserem.

Enquanto a diretoria segue em busca de reforços (já são 15 no total), o elenco dirigido pelo técnico Mazola Júnior trabalha firme visando à estreia no Campeonato Paulista. No dia 19, a Alvinegra recebe o Oeste, às 16h30, no Moisés Lucarelli, e espera conseguir um resultado positivo. Ao menos é o que projeta o experiente meio-campista Gérson Magrão, uma das novidades do plantel.

"É um dos melhores campeonatos estaduais. Vamos procurar fazer um bom trabalho, primeiro em pensar na classificação, que é o mais importante e no decorrer das outras fases veremos o que podemos fazer. Estou feliz em voltar a disputar o Campeonato Paulista, estou perto de casa, sou de Guarulhos, perto da família e espero que isso traga um pouco de sorte também", disse Magrão, que não teme a concorrência por uma vaga entre os titulares. "Quanto mais reforços chegarem melhor, fica até bom para o treinador. Tem concorrência, todos vão querer lutar para conquistar o espaço."

Macaquinha joga hoje

Depois de se classificar na segunda colocação do Grupo 1 da Copa São Paulo, com cinco pontos, a Ponte Preta entra em campo hoje para enfrentar o São José-RS, às 16h, em Penápolis, pela segunda fase da competição. O adversário tem melhor campanha até aqui, já que terminou na ponta do Grupo 2, com seis pontos. Quem vencer terá pela frente o ganhador de Andradina e Rio Preto. Em caso de empate, a vaga será definida nos pênaltis.

Escrito por:

Alison Negrinho Alison Negrinho