Publicado 07 de Dezembro de 2018 - 17h05

Por Carlos Augusto Rodrigues da Silva

Fabrício não será jogador do Guarani em 2019. O zagueiro recusou a proposta de renovação feita pela diretoria e dará sequência a sua carreira em outro clube. O Bugre chegou a aumentar o valor da oferta para conseguir prorrogar o vínculo, mas não foi capaz de convencer o atleta, que também recebeu sondagens do Coritiba, além de equipes do Exterior. O futuro do defensor deve ser definido nos próximos dias.

O Guarani procurou o jogador e seu empresário pela primeira vez após o término da Série B do Brasileiro. Foi realizada uma contraproposta e os dirigentes bugrinos ainda elevaram o patamar salarial oferecido, mas não foi suficiente. De férias nos Estados Unidos com a família, o zagueiro comunicou a decisão e deixou o caso à cargo de seu representante.

Com 28 anos, Fabrício foi uma das peças importantes do Guarani no segundo turno da Série B. Após duas temporadas e meia no futebol europeu, o defensor chegou ao Brinco de Ouro e logo assumiu a condição de titular ao lado de Philipe Maia. No total, foram 15 partidas disputadas, com dois gols marcados - ambos de falta, na vitória sobre o Atlético-GO e no empate com o Oeste.

O fracasso nessa negociação faz com que o clube ganhe mais uma carência na montagem do elenco para o ano que vem, já que o único zagueiro com permanência garantida é Philipe Maia. Há uma possibilidade de renovação com Ferreira, enquanto Anderson, Edson Silva e Éverton Alemão já foram liberados por não estarem nos planos. (Carlos Rodrigues/Da Agência Anhanguera)

Escrito por:

Carlos Augusto Rodrigues da Silva