Publicado 04 de Outubro de 2018 - 18h46

Por Adagoberto F. Baptista

Da Agência Anhanguera

O Vera Cruz entra em quadra hoje para mais um desafio pelo Campeonato Paulista Feminino de Basquete. As comandadas do técnico Antônio Carlos Vendramini enfrentam o Santo André, às 19 horas, no ginásio municipal Pedro DellAntônia, em Santo André, em jogo que encerra o 1º turno da competição.

Para a armadora Babi, o duelo contra o time do ABC não é só uma briga direta pelas primeiras posições (o rival da noite está invicto no torneio), é também uma chance de grande motivação em caso de vitória.

"É um jogo muito importante. É o encerramento de primeiro turno e se nós quisermos conquistar coisas grandes, tempos que pensar jogo a jogo. E esse é o mais importante, por tudo o que ele representa. Se fizermos uma boa partida, terminaremos bem o primeiro turno e conseguiremos dar uma sequência para o nosso objetivo maior", afirma Babi, que vê o time em uma crescente no Paulista.

"Realmente não fizemos, desde o início do campeonato, jogos bons. A equipe vem vencendo, mas sabemos que pode melhorar. Tanto é que perdemos um jogo fora, no qual acho que foi consequência do que estávamos apresentando. É normal. Temos novas jogadoras, é um início de campeonato e no último jogo sentimos uma evolução considerável, e que ainda acho que não é o que o grupo pode apresentar. Mas nesses momentos de jogos decisivos a equipe se fecha, fortalece e acredito que podemos evoluir bastante", avalia.

Babi também comenta sobre o calendário de jogos do mês de outubro, em que se tem sete jogos em disputa. "Realmente exige um esforço maior físico, mental, por conta do desgaste, já que tem viagem, alguns jogos mais cansativos. Mas sabemos de tudo isso. Nós nos preparamos dessa forma, para poder chegar nesses jogos da melhor maneira possível", confia a jogadora, que conta com o apoio da torcida campineira nas partidas em casa (em outubro haverá jogos no Paineiras nos dias 10, 13, 26 e 30).

Escrito por:

Adagoberto F. Baptista