Publicado 05 de Outubro de 2018 - 5h30

A venda de veículos novos no País atingiu 213.339 unidades em setembro, uma alta de 7,1% na comparação com o mesmo mês no ano passado, segundo os dados divulgados ontem pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea). O levantamento leva em consideração veículos leves, caminhões e ônibus. Em relação a agosto, houve uma queda, que já era esperada, de 14,2%, devido ao número reduzido de dias úteis (quatro dias a menos). O setor acumula de janeiro a setembro uma alta de 14% em relação ao mesmo período de 2017. Foram produzidos em setembro, 223.115 mil veículos, o que representa queda de 6,3% sobre setembro de 2017, reflexo da retração nas exportações para a Argentina. De acordo com Antonio Carlos Megale, presidente da Anfavea, as montadoras têm ajustado a produção conforme a redução de exportações. A Argentina, que respondia por 70% das exportações brasileiras, caiu para 50% no mês passado. O número de empregos no setor ficou estável entre agosto e setembro, mas teve alta de 3,6% na comparação interanual. (Estadão Conteúdo)