Publicado 04 de Outubro de 2018 - 13h00

Por AFP

A Conmebol recusou recurso de apelação apresentado pelo Boca Juniors, liberando Dedé para o duelo desta quinta-feira entre o time argentino e o Cruzeiro pelas quartas de final da Libertadores.Dedé foi expulso de maneira polêmica no jogo de ida após revisão da vídeo-arbitragem, que interpretou um choque acidental do zagueiro com o goleiro Esteban Andrada como uma agressão. O time brasileiro reverteu o erro do árbitro e habilitou o defensor para o duelo de volta.O Boca apresentou uma apelação pela decisão, mas a Câmara de Apelações da Conmebol recusou o recurso.Andrada sofreu dupla fratura do maxilar e ficou internado. Além disso, o arqueiro ficou com dentes quebrados e cortes nos lábios. Sua recuperação é esperada para dois meses aproximadamente.hro/ol/fa

Escrito por:

AFP