Publicado 04 de Outubro de 2018 - 18h21

Por Alison Negrinho

Por Alison Negrinho

Professor Lucas Soltermann com os pequenos do projeto social

Divulgação

Professor Lucas Soltermann com os pequenos do projeto social

Alguns equipamentos, uma ideia e muita vontade de ajudar. Desta maneira, Lucas Soltermann, professor de boxe, deu início a um projeto social no bairro Real Parque, em Barão Geraldo. Por lá, crianças carentes da comunidade, de 6 a 16 anos, podem treinar de segunda e quarta-feira, das 9h30, às 10h30 no salão da associação dos moradores.

"Creio que é importante dar oportunidade para os que mais precisam. Não tenho dúvidas de que gera inclusão social", afirmou Soltermann, que também possui a academia Boxe Campinas, onde dá aulas particulares.

O projeto teve início na última segunda-feira e já atraiu os primeiros interessados. Ao todo, seis crianças estão comparecendo e tendo a oportunidade de aprender um pouco mais sobre a nobre arte.

Lucas conta com a ajuda de Daniel Santos, seu atleta na Boxe Campinas, e que também está envolvido na iniciativa. Para o jovem pugilista, mais do que praticar a modalidade, as crianças tem ali uma oportunidade rara.

"Eu vivi isso. Muitas das vezes a criança ou adolescente se sente um pouco excluído por conta das classes sociais, então a gente tenta juntar um pouco e mostrar que todos são iguais, que existe esperança. Tentamos ser exemplos para eles", afirmou Daniel, antes de completar.

"A importância desse projeto social em uma comunidade carente é muito grande. Todos podem ter um futuro, não importa se vai ser no ringue, ou como médico. Só porque as crianças saem da comunidade são julgados, escutam que não serão ninguém ou que serão bandidos, mas não é assim."

Escrito por:

Alison Negrinho Alison Negrinho