Publicado 03 de Outubro de 2018 - 18h50

Por Estadão Conteúdo

Em parceria com a Receita Federal, a Polícia Federal apreendeu nesta quarta-feira, 3, dois quilos de cocaína que estavam escondidos nos "puxadores" da mala de um cidadão uruguaio. A prisão realizada em flagrantes foi no Aeroporto Internacional de Brasília. O homem de 52 anos tentava embarcar para Málaga, na Espanha, com a droga escondida em duas malas.

De acordo com a PF, após a abordagem ao uruguaio os policiais federais realizaram um vistoria em suas bagagens. Com o auxílio de cães farejadores foi possível encontrar o local onde a droga estava escondida. A confirmação da existência da droga foi feita com a utilização de um raio-x.

"A força-tarefa formada pela Polícia Federal e Receita Federal do Brasil adota nova metodologia de investigação com intensa troca de informações. A parceria permite combater de forma integrada os crimes cometidos no Aeroporto Internacional de Brasília", disse em nota a PF.

Escrito por:

Estadão Conteúdo